4 cidades da Argentina que você precisa incluir no roteiro

Buenos Aires, Bariloche e Ushuaia são algumas cidades da Argentina que costumam entrar no roteiro da maioria dos viajantes. De fato, são lugares incríveis que podemos explorar com facilidade, já qcue também ficam na América do Sul. Mas, se você acha que as atrações do país se esgotam aí, saiba que está enganado. 🙃

Há diversos outros municípios portenhos que resguardam boas surpresas. Especialmente para os amantes de belezas naturais, os cerca de 2.780.092 km² englobados no território argentino não deixam a desejar com seus belos parques, charmosas montanhas e praias convidativas.

Então, preparado para descobrir algumas cidades da Argentina repletas de pontos turísticos incríveis para sua trip? 😎

El Calafate
Território argentino é cheio de paisagens encantadoras. Foto: R I O M A N S O, CC BY 2.0

As imperdíveis: 4 cidades da Argentina para visitar

Se tiver a oportunidade, certifique-se de incluir no roteiro pela Argentina as quatro cidades listadas abaixo:

El Bolsón

Simpático, El Bolsón é um pequeno povoado localizada na patagônia argentina e repleto de encantos. É uma boa opção para quem deseja conhecer a região, mas não quer gastar tanto como em Bariloche. Sem falar que a cidade oferece vários atrativos: passeios a cavalo, escalada e até atividades mais radicais, como trekking e rafting, entram na lista.

Aos apaixonados por cerveja, eis outro ponto positivo: El Bolsón produz algumas das mais deliciosas e inusitadas versões da bebida na Argentina. Você encontra desde sabores mais tradicionais, até opções com framboesa e cassis. Que tal?

Mendoza

Destino certeiro para quem gosta de aventura, Mendoza costuma ser a cidade base escolhida para quem vai escalar a Aconcágua – simplesmente a montanha mais alta das Américas. Mas não é só o cenário de tirar o fôlego que faz valer a visita até lá.

Mendoza é o local de fabricação de alguns vinhos argentinos de excelência e abriga diversas vinícolas, pelas quais o turista pode passear e degustar alguns sabores. Se você é fã da bebida, pode ter certeza de que o passeio vale a pena. 🍷

El Calafate

A pequena El Calafate merece um espacinho no seu roteiro por um motivo nobre: apesar de não oferecer muitos atrativos como cidade, ela fica pertinho do Parque Nacional los Glaciares, onde está o famoso Glaciar Perito Moreno. Para quem deseja contemplar a magnitude da região da Cordilheira dos Andes, é um local indispensável.

No parque onde estão os glaciares, o visitante tem à disposição várias opções de passeios para explorar a área: de catamarã, através de passarelas ou até fazendo trekking. É uma daquelas experiências sem precedentes que a Argentina possibilita.

Córdoba

Multicultural e repleta de vida, Córdoba é ponto de parada obrigatório para quem gosta de cidades agitadas e com muitas opções de lazer. Lar de um milhão e meio de habitantes e sede de diversas universidades, a metrópole situada na região do Pampa Argentino abriga pessoas das mais variadas nacionalidades: alemães, italianos, americanos e, claro, brasileiros.

Entre os principais pontos turísticos dessa bela cidade argentina, vale mencionar a Catedral de Córdoba, o Museu da Memória, o Centro Cultural e a própria Universidade Nacional de Córdoba, a mais antiga do país. Nos bairros Abasato e Chateau, não faltam bares e baladas para entreter os jovens até a madrugada.

Roteiro pelas cidades da Argentina

Se você gosta de montar um itinerário fixo para percorrer determinado país, vale a pena conferir uma sugestão de roteiro para visitar diferentes cidades portenhas. O blog 360 Meridianos traz uma alternativa para percorrer a Argentina de norte a sul, em um período de 30 dias.

A dica é começar a trip por Buenos Aires e explorar por cerca de quatro dias a capital argentina. Depois, de ônibus ou trem, você pode seguir para Puerto Madryn, onde é possível observar baleias e pinguins no verão. Na sequência, entram as cidades da rota patagônica: pegue um avião até Ushuaia e permaneça lá por três dias, para então seguir até El Calafate e depois El Chaltén.

Na sequência, vale subir para Bariloche e passar quatro dias por lá, para então rumar até Mendoza, onde também é possível ficar por até quatro dias. Posteriormente, a sugestão é seguir para Córdoba e explorar por dois dias essa cidade incrível. Para o fim do passeio, pegue um avião ou ônibus noturno para conhecer a região de Salta e, enfim, chegar à última parada: Puerto Iguaçu, já na fronteira com o Brasil.

E aí, gostou de conhecer um pouco mais sobre as cidades da Argentina? Quais delas você quer visitar? Comente. 🙃


Deixe uma resposta