Turismo no Rio Grande do Sul: regiões e passeios imperdíveis

Já pensou em escolher a região Sul do país como destino das suas próximas férias? O turismo no Rio Grande do Sul permite ao visitante explorar lugares históricos e cenários encantadores moldados pela natureza. Tudo isso com garantia de um bom mate sempre à disposição, como manda a tradição gaúcha. 👏

Se você simpatiza com a ideia de conhecer o Rio Grande, mas não sabe exatamente qual direção tomar, vamos ajudar com algumas dicas. Logo abaixo, listamos algumas das principais regiões turísticas do estado, que podem render uma road trip inesquecível. Basta escolher e montar o roteiro.

Rio Grande do Sul
Rio Grande do Sul surpreende os visitantes. Foto: iStock, Getty Images

Top 4 regiões de turismo no Rio Grande do Sul

Descubra, a seguir, quais das principais áreas turísticas do RS mais combinam com o seu estilo de viajante:

Serra Gaúcha

Gramado
Gramado, cidade charmosa na Serra Gaúcha. Foto: iStock, Getty Images

Um verdadeiro pedacinho da Europa no Brasil, a Serra Gaúcha é o destino mais procurado pelos turistas na região sul. Em qualquer época do ano, as principais cidades serranas, Gramado e Canela, oferecem diversos atrativos aos visitantes.

No verão, a área cercada de verde, morros, cascatas e cachoeiras é perfeita para a prática de esportes como tirolesa, canoagem e rafting. No inverno, com o friozinho, as cidades ganham ares mais românticos – perfeitos para usufruir do melhor da infraestrutura hoteleira e gastronômica a dois.

Missões

São Miguel das Missões
São Miguel das Missões e suas ruínas são históricas. Foto: iStock, Getty Images

Na região noroeste do Estado, a cerca de 477 km de Porto Alegre, fica a área das Missões. Trata-se de um local histórico missionário, composto por 46 municípios, habitados por cidadãos das mais diversas etnias: alemães, italianos, poloneses, franceses, portugueses e espanhóis – para citar algumas.

Mas qual é o grande atrativo das Missões? Sem dúvida a cidade mais procurada é São Miguel, que abriga o Sítio Arqueológico de São Miguel Arcanjo (Patrimônio da Humanidade) e o Museu das Missões. Lá estão as ruínas remanescentes do período em que os jesuítas da Companhia de Jesus foram enviados ao Brasil, em 1549, para ensinar a doutrina católica e os costumes europeus aos povos indígenas que ali habitavam.

As Missões reúnem os dois principais ingredientes para uma viagem incrível: história e belas paisagens.

Litoral Norte e Sul

Guarita Park
Praia da Guarita é um cantinho apaixonante em Torres. Foto: iStock, Getty Images

Se você deseja curtir o verão no RS, tem duas alternativas: rumar para o litoral norte ou para o sul do estado. Entre as praias pertinho da divisa com Santa Catarina, as de Torres são as que mais se destacam. A Praia da Guarita, por exemplo, tem águas transparentes perfeitas para um mergulho e é cercada por imponentes paredões rochosos, pelos quais você pode seguir uma trilha até o topo e contemplar uma vista panorâmica.

Já no extremo sul do estado, mais precisamente na região do município de Santa Vitória do Palmar, você também pode se deparar com cenários incríveis. A cidade é banhada por duas lagoas, a Lagoa Mirim e a Lagoa Mangueira, e também duas charmosas praias: a Praia do Hermenegildo e a Praia da Barra do Chuí, na fronteira com o Uruguai.

Yacumã

Yacumã
Yacumã e suas imponentes quedas d’água. Foto: Mocona3, CC BY-SA 2.5

No noroeste rio-grandense, a 499 km de Porto Alegre, fica um pacato município chamado Derrubadas. À primeira vista, você pode achar que ele não tem muito valor. Mas estará enganado. O local abriga a maior reserva florestal do RS, o Parque Estadual do Turvo, com espécies raras de plantas e animais e um atrativo especial: o Salto do Yacumã.

Com 1,8 mil metros de comprimento, o Salto do Yacumã é formado por diversas quedas d’água em extensão. Você pode ter certeza de que é um dos lugares mais bonitos de todo o Rio Grande.

Turismo no Rio Grande do Sul: pontos turísticos imperdíveis

Se você não quer montar uma rota turística a partir de regiões específicas, vale a pena explorar os principais pontos turísticos do estado para, a partir deles, decidir como será o passeio. Começando pela capital, Porto Alegre, a lista de lugares para visitar inclui o Theatro São Pedro, a Usina do Gasômetro, a Casa de Cultura Mário Quintana e o tradicional símbolo bairrista do RS: a estátua do Laçador.  

Na rota serrana, entre Gramado e Canela, é indispensável visitar o Parque Cascata do Caracol e o Lago Negro. Ainda nessa região, vale a pena marcar um passeio aos vinhedos de Bento Gonçalves e Caxias do Sul. São recantos de belezas naturais, com o melhor da culinária italiana e, claro, muito vinho à disposição.

E aí, já escolheu como será sua rota de turismo no Rio Grande do Sul? Qual desses lugares você quer visitar? Comente 🙂

1 COMENTÁRIO

  1. me gustaria conocer las mejores rutas desde porto maua para conocer san miguel das misoes, gramado y canela, una playa cerca de gramado y retornar por bento goncalves a porto maua

Deixe uma resposta