Hotéis e pousadas em Gramado

A rede hoteleira de Gramado atende a uma demanda de 2,5 milhões de turistas que passam pela cidade anualmente. O maior polo turístico do Brasil oferece hotéis e pousadas de baixo, médio e alto custo. Na maioria dos casos, quanto mais centrais, mais caras são as acomodações, com algumas exceções.

O turista não deve considerar gastar menos de 120 reais pela diária. Uma pousada confortável e simples, por exemplo, como a Volta ao Mundo, em Canela (5km de Gramado), cobra 140 reais pela noite na baixa temporada. O luxuoso Casa da Montanha, por outro lado, na Av. Borges de Medeiros, tem quartos com valores bem superiores a 1 mil reais.

Resenhas

O Mapa de Gramado vai publicar resenhas periódicas de hotéis e pousadas de Gramado, a fim de que você possa programar sua viagem com a informação mais completa possível. Aguarde.

Alta temporada

Ao pesquisar pela melhor hospedagem, preste atenção às diferenças de valores entre as diárias na alta e na baixa estação. Normalmente, os períodos exatos estão descritos no site do hotel. Na maioria dos casos, enquadram-se no tarifário de alta estação todo o período de inverno, feriados e datas especiais, como Páscoa e Natal.

Dicas acessíveis

Cabanas Tio Müller

Quartos confortáveis e boa localização. A partir de 155 reais.

Gramado Hostel

A 2 quadras do Bill Bar, o albergue é recomendado principalmente para jovens.

Hotel Bertoluci

Localizado na Av. das Hortênsias, possui boa relação custo-benefício.

Pousada Pinha Pinhão

Acomodações mais modestas, próximo ao Lago Negro. A partir de 140 reais.

Pousada Volta ao Mundo

É uma hospedagem simples, mas tem uma ideia singular: cada cabana representa um país.

Deixe uma resposta