Descubra o que fazer em hong kong

Hong Kong é uma das cidades mais impressionantes da Ásia e com certeza um destino turístico para qualquer viajante que queira conhecer o extremo oriente. Neste post você vai saber o que fazer em Hong Kong, os principais pontos turísticos e dicas sobre passeios numa das cidades mais emblemáticas do continente.

Provavelmente você já viu fotos do Victoria Harbor e o fundo matizado de cores de diferentes arranha-céus. Trata-se do principal cartão-postal de Hong Kong.

Aliás, é por essa foto que vamos começar a falar das atrações da cidade. Esse cenário resume bem a alma da cidade, moderna, com uma baía charmosa e cercada de montanhas com templos e monumentos a serem descobertos. 

Confira abaixo os principais pontos turísticos e dicas de passeios para o seu roteiro em Hong Kong.

O que fazer em Hong Kong

Hong Kong é uma cidade impressionante: você vai perder o fôlego ao entrar em contato pela primeira vez com as luzes, contrastes e atrações do lugar.

Duvida? Então veja como tem o que fazer em Hong Kong:

Victoria harbor

Victoria Harbour em Hong Kong
Victoria Harbour é um dos cartões-postais de Hong Kong. Foto: iStock, Getty Images

Hong Kong é uma cidade costeira e possui uma baía bem ativa e movimentada. O Victoria Harbor separa a ilha de Hong Kong e a península de Kowloon, ambos parte do território de da cidade de Hong Kong.

A região portuária é extensa e possui vários lugares diferentes para ir. De qualquer ponto do porto você vai ter uma vista panorâmica da cidade e as suas centenas de prédios modernos e arranha-céus.

O destaque fica para a avenida das estrelas, onde você pode encontrar a estátua de Bruce Lee e apreciar o Symphony of Lights, um show de luzes sincronizadas que envolve vários prédios do lado oposto da Baía. O espetáculo acontece todas as noites (sim, todas as noites!) e a dica é chegar lá pelo menos uma hora antes para conseguir um bom lugar para assistir o show.

Star Ferry

Star Ferry em Hong Kong
Passeio no Star Ferry é inevitável em Hong Kong. Foto: istock, Getty Images

Como não poderia deixar de acontecer em uma cidade peninsular, Hong Kong possui um ótimo serviço de travessia de sua baía por meio do Star Ferry. A embarcação faz o trajeto entre a ilha de Hong Kong e a área de Kowloon, e é um meio de transporte bastante tradicional.

Além dele, existem outros passeios de barcos e lanchas, mas para esses você vai precisar ser bastante generoso com sua fatura de cartão de crédito.

Man Mo Temple

O território de Hong Kong possui mais de 300 templos, incluindo monastérios budistas e centros taoístas. O Man Mo Temple é um dos mais visitados templos da região. Foi construído em 1847 e além de turistas também atrai muitos devotos e estudiosos do budismo.

É um dos templos mais famosos da cidade junto ao Po Lin Monastery.

Macau

Macau à noite
Macau é a Las Vegas asiática. Foto: iStock, Getty Images

A cidade de Macau é conhecida em todo o mundo como a Las Vegas da Ásia. Além de uma visita aos cassinos locais, a cidade tem um sabor especial para os brasileiros pois foi colonizada pelos Portugueses e traços da herança lusa são muito bem notados.

Macau é uma região administrativa especial da China (assim como Hong Kong) e não requer visto de brasileiros. Dá pra fazer um bate-volta tranquilamente, mas é recomendado tirar um dia completo para a visita.

Ocean Park e Disneyland

São os dois grandes parques de diversões da cidade. Principalmente se você estiver acompanhado de crianças o passeio vai valer a pena. A ida a Disneyland de Hong Kong pode ser feita logo após visitar o Buda Gigante. Pegando o teleférico de volta basta embarcar na estação de metro Tun Chun e descer em Sunny Bay.

O Ocean Park é um grande parque aquático que além das atrações típicas para quem gosta de água, há também um zoológico e outras atrações adicionais. Lembre de reservar seus ingressos online com antecedência.

Victoria Peak

Victoria Peak em Hong Kong
Victoria Peak oferece bela visão de Hong Kong. Foto: iStock, Getty Images

É o passeio mais procurado pelos turistas e também o cartão-postal da cidade mais famoso ao lado do Victoria Harbor. Trata-se de uma montanha, a mais alta de toda região, no alto da qual você tem uma vista simplesmente fantástica.

As centenas de prédios e a baía formam uma paisagem de tirar o fôlego. A vista estaria emoldurada nos melhores museus do mundo se fosse uma pintura. No alto da montanha há um pequeno shopping, várias lojas e o telhado principal de onde você pode ver a cidade mais do alto.

Hong Kong Park e Victoria Park

Hong Kong Park é o maior parque da cidade. Além de todo o verde que você vai encontrar (o parque é bem grande), há também um aviário com centenas de pássaros e também uma estufa com borboletas e várias espécies de plantas.

Caso você goste de museus, dentro do parque existem dois interessantíssimos, o Hong Kong Visual Arts Centre e o Museum of Tea Ware, sendo esse segundo especialmente dedicado à cultura do chá. Esse é um bom passeio para ser feito logo após visitar o Victoria Peak.

O Victoria Park é famoso pelas aulas de Tai Chi Chuan ao ar livre e também pelos templos que ficam próximos, como Lin Fa Kung e Tin Hau.

Os parques são oásis em meio ao mar de concreto e prédios super modernos da capital e ótimos para balancear o turismo urbano com um pouco de verde.

Tian Tan Buddha, o Grande Buda

Grande buda em Hong Kong
O Grande Buda é uma das principais atrações. Foto: istock, Getty Images

O nome é sugestivo, mas ver de perto o monumento representando Buda em proporções gigantes te deixará impressionado. O Po Lin Monastery é vizinho do monumento e parte inevitável ( e boa) da visita.

O mais legal dessa atração é que para chegar ao templo onde está situado a estátua gigante é preciso pegar o teleférico Ngong Ping 360, que por si só já valeria o passeio.

O teleférico cruza a região montanhosa de Hong Kong e além da vista panorâmica é possível notar pequenos filetes de água que nascem na montanha e formam graciosas quedas d’água.

Causeway Bay

Este é o nome do bairro e da estação de metrô que concentram a maior parte da agitação da cidade. Repleto de lojas de departamento e shoppings, é o lugar ideal para você fazer compras e conhecer os bons restaurantes e bares da cidade. Hong Kong tem fama de ser uma cidade de compras, em Causeway Bay você entenderá o porquê.

Influência britânica em Hong Kong

Uma dica final que deixamos pra você: repare  como a cultura britânica ainda está presente em Hong Kong e é forte na cidade e nos seus habitantes. Desde os nomes com referências a figuras históricas inglesas (Victoria harbour, Victoria Peak) até a mão inglesa que nós tanto estranhamos, Hong Kong ainda está impregnada pela influência britânica.

Sabe por quê? Hong Kong só deixou de ser administrada pelo Reino Unido em 1997, ano em que retornou para administração chinesa sob forma de região administrativa especial.

E é isso, amigo viajante. Agora você sabe o que visitar em Hong Kong e com certeza terá uma viagem inesquecível. E lembre-se de compartilhar depois sua experiência nos comentários.

Deixe uma resposta