Como planejar uma viagem para o exterior

Viagem para o exterior requer planejamento maior. Foto: iStock, Getty Images

Quer se preparar melhor para uma viagem para o exterior? Esta é uma tarefa exige organização e planejamento extras, principalmente se o destino for um país muito diferente. Quando o assunto é passear fora do Brasil, o país de destino faz uma diferença enorme no grau de preocupação e preparação necessários.

Mas independentemente se você está indo à Argentina, que fica aqui do lado, ou ao Vietnã, é importante saber os cuidados e como se planejar adequadamente. É isso que vamos descobrir, tópico a tópico, neste artigo.

Antes de viajar para o exterior

Algumas informações são fundamentais, e devem ser as primeiras que você deve buscar. Nesta seção vamos olhar para o que você deve saber antes de comprar passagens aéreas e reservas hotéis pela internet.

Escolha do destino

A escolha do destino merece alguns comentários, mesmo sendo um aspecto um pouco óbvio. Os países são muito diferentes entre si, e alguns países são tão grandes e diversos, que as regiões apresentam características bem distintas umas das outras. É o caso do Brasil, por exemplo.

Ao escolher o destino, é preciso ter em mente que países muito diferentes podem requerer cuidados redobrados. Na Europa ocidental, por exemplo, os cidadãos em geral falam inglês e existem boas estruturas de apoio para turistas. Em outros lugares, porém, a população local dificilmente fala outras línguas e a estrutura de auxílio aos turistas é muito precária.

Dependendo do grau de familiaridade e de estrutura do seu destino, os cuidados com seguro de viagem, documentação e logística devem ser redobrados, principalmente se você for viajar sozinho.

Documentação

Cada destino possui regras específicas para emissão de visto e em relação ao tempo de permanência para turistas. É preciso verificar cada caso. Destinos tradicionais como a União Europeia e países do Mercosul já possuem regras bem conhecidas e padronizadas. Regiões mais remotas, porém, exigem que você entre em contato com o consulado ou embaixada local e se informe sobre os requisitos legais para visitar no país.

O Itamaraty tem um portal com os requisitos legais exigidos para brasileiros entrar em outros países. Verifique o seu destino aqui!

Seguro de viagem

Muitas pessoas acabam não dando atenção ao seguro de viagem. Para muitos países, a contratação do seguro é obrigatória, mas mesmo quando a exigência não está presente, é recomendadíssimo a contratação de seguro.

Mesmo que mais caro do que você gostaria, o seguro é um preço que se paga para mitigar um risco muito sério, que é a possibilidade de você se acidentar ou ficar doente no meio de uma viagem internacional, em um país com um sistema de saúde totalmente diferente do Brasil(e muitas vezes que não dispõe de rede pública gratuita).

Os gastos médicos com qualquer eventualidade certamente sairão mais caro do que o preço cobrado pelo seguro, de forma que é fundamental a contratação de uma boa seguradora.

6 dicas para planejar sua viagem para o exterior

Do ponto de vista prático, algumas dicas são muito bem-vindas e se aplicam a qualquer destino estrangeiro que você escolha. Veja quais são elas!

Faça um roteiro

Parece óbvio, mas muita gente negligencia essa parte. A internet está recheada de artigos e guias sobre destinos no mundo inteiro. Pesquise e faça uma lista com os passeios e atrações que mais te agradam. Descubra onde ir com seus filhos ou onde levar seu companheiro(a).

Se deixar para última hora, o roteiro de viagem pode ficar pobre e mais cansativo.

Diferenças climáticas

Lembre-se sempre de preparar sua mala de forma condizente com o clima do país de destino e a estação do ano correspondente à época de viagem. Para refrescar sua memória, veja as datas das quatro estações do ano no hemisfério norte e sul:

Estações no Hemisfério Norte

Primavera: 21 março até 20 junho

Verão: 21 junho até 20 setembro

Outono: 21 setembro até 20 dezembro

Inverno: 21 dezembro até 20 março

Estações no Hemisfério Sul

Primavera: 21 setembro até 20 dezembro

Verão: 21 dezembro até 20 março

Outono: 21 março até 20 junho

Inverno: 21 junho até 20 setembro

Mas não fique só com a caracterização do hemisfério. Conheça o clima local e se prepare adequadamente.

Cadastro na embaixada brasileira

As embaixadas brasileiras no exterior possuem serviços de cadastro, por meio do qual os brasileiros que estão de viagem para fora podem informar seus dados voluntariamente. Não é uma exigência nem nada, apenas uma ferramenta que os serviços consulares possuem para poder entrar em contato com os brasileiros em caso de necessidade, como emergências climáticas, problemas militares ou mesmo acidentes. Embora não seja obrigatório, nós recomendamos o cadastro.

Aplicativo Destination on Google

Destination on Google é um recurso do Google que ajuda no planejamento de viagens. Por ora só funciona para pesquisas em inglês. Segundo o Google, o app faz um compilado de resultados sobre hotéis, transportes, mapas, atrações e muitas outras coisas. O objetivo é facilitar o planejamento.

Idioma local

Como já dissemos, nem todos os países possuem boa estrutura turística e pessoas que falam inglês ou outras línguas comuns. Nesses casos, saber algumas frases básicas para pedir informações e se localizar pode te livrar de muitos apertos.

Costumes locais

Pesquisar sobre a história e os costumes locais é muito importante não só para facilitar sua vida, mas também para que você possa aproveitar ainda mais o passeio. Saber de antemão aspectos da cultura local e sobre como o país funciona torna a viagem muito mais fácil e rica.

Segurança

Por fim, um dos aspectos mais importantes: Pesquisar sobre a segurança no país de destino.

Grandes cidades merecem cuidados mesmo que em países extremamente seguros. Destinos com índices de criminalidade elevados merecem uma boa pesquisa e algumas referências locais para evitar riscos.

Independente de onde você estiver, sempre tenha em mente que é preciso saber como entrar em contato a embaixada local ou com alguém de confiança(mesmo que no Brasil) no caso de acidentes e problemas graves. Não deixe para aprender como fazer uma ligação internacional bem na hora do aperto, ou esperar acontecer um acidente para só então descobrir como acionar o seguro de viagem.

Em viagens internacionais, se precaver nunca é demais. Para garantir que seja um passeio inesquecível, verifique todos os itens necessários e, é claro, não deixe de fazer um bom roteiro e pesquisar sobre a cultura e história locais. A viagem começa muito antes de você pisar no aeroporto, portanto, não deixe para última hora.

Deixe uma resposta