Dos museus ao Mercado das Pulgas: descubra o que fazer em Paris

A capital francesa realmente faz jus ao apelido que recebe: Cidade Luz. Mesmo que você não queira montar um roteiro fixo, vai acabar encontrando o que fazer em Paris ao se deparar com um novo monumento, praça ou restaurante a cada esquina. Afinal, estamos falando de um dos principais berços da cultura, da arte e da gastronomia na Europa.

Há diversas formas de explorar a cidade, de acordo com o seu perfil de viajante. Você pode visitar os pontos turísticos tradicionais de Paris, como o Museu do Louvre, a Torre Eiffel, a Catedral Notre Dame e o Arco do Triunfo, ou simplesmente alugar uma bicicleta e deixar a cidade lhe surpreender. Alternativas não faltam.

Descubra, a seguir, nossa seleção de dicas do que fazer em Paris. 🗼

Paris, France
Paris tem atrações para agradar aos mais variados estilos de viajantes. Foto: iStock, Getty Images

O que fazer em Paris? 4 opções

Fizemos, aqui, um compilado de sugestões tanto para quem gosta de viajar de forma mais sofisticada e com itinerário bem definido, quanto para quem gosta de ir além do roteiro tradicional. Escolha as opções que mais combinam com você e boa viagem. 😉

1. Explorar os museus e praças

Se você faz questão de absorver um pouco da essência parisiense, simplesmente precisa conhecer os museus e praças da cidade. Nesta lista, não podemos deixar de indicar o Museu do Louvre, que dispensa comentários; o Museu D’Orsay, às margens do Sena e o Museu das Armas, aberto desde 1905, que reúne artigos de guerra.

As praças da cidade também são um encanto à parte. Sugerimos a Place de la Madeleine, cercada de lojas de grifes; a Place Vendôme, igualmente sofisticada com joalherias nos arredores e a Praça Igor Stravinsky, com suas fontes e esculturas coloridas, cercada por restaurantes.

2. Aproveitar a culinária francesa

A cozinha francesa está entre as mais renomadas do mundo. Por isso, não deixe de aproveitar a estadia em Paris para absorver um pouquinho dela. Há inúmeras alternativas de bares, cafés, padarias e restaurantes espalhados pela cidade.

Entre as sugestões, vale mencionar a padaria Boulangerie Coquelicot, na saída da estação Abbesses, que conta com delícias como brioches com geleia e pães fresquinhos; o Boco, um bistrô de estilo informal, que oferece pratos como gnocchi de batatas e ensopado de carne com vinho e o Le Jules Verne, um dos restaurantes mais badalados de Paris, no segundo andar da Torre Eiffel.

Ah, experimentar alguns macarons na Champs-Élysées também é indispensável para tornar sua viagem ainda mais inesquecível.

3. Alugar uma bicicleta e percorrer a cidade

Você faz mais o perfil de viajante do que de turista? Então, se não quer planejar um roteiro e simplesmente deseja que Paris lhe surpreenda, nossa dica é alugar uma bicicleta. Há cerca de 20 mil magrelas espalhadas pela cidade em 1.800 estações, cada uma localizada a 300 metros da outra. As ciclovias são organizadas e bem sinalizadas.

Cada estação da cidade possui um totem, onde é possível fazer o pagamento. O ticket para alugar uma bike por um dia custa 1,70 €. Para sete dias, o custo é de 8,00 €.

4. Conhecer o Mercado das Pulgas

Se comprar na Dior não cabe no seu bolso e você prefere gastar os euros com mais sabedoria, a dica é conhecer o Mercado das Pulgas. Trata-se de uma feirinha com mais de 10 km de extensão, com barracas, brechós (com peças em perfeito estado, por preços camaradas) e vários outros artigos e bugigangas a preço de banana.

A feira ocorre na Avenue de la Porte de Clignancourt, em sábados, domingos e segundas-feiras, das 9h às 18h.

O que fazer em Paris de graça?

Catedral de Notre Dame - pontos turísticos de Paris
Notre Dama tem entrada gratuita. Foto: iStock, Getty Images

Apesar de Paris ser uma capital associada ao luxo, saiba que é possível explorar a cidade sem extrapolar o orçamento. Basta usufruir dos pontos turísticos gratuitos. Que tal começar pelos parques públicos? O Jardin des Tuileries, o Jardin des Plantes e o Jardin du Palais Royal são excelentes lugares para relaxar.

Outro conjunto de atrações free e interessantes são as igrejas e catedrais: até mesmo em Notre Dame não é preciso pagar ingresso. Aproveite para visitar também a Basílica de Sacre Coeur, que oferece vista panorâmica de Paris, e a La Madeleine. A capital da França também abriga museus com acesso gratuito ao acervo, como o Petit Palais, o Carnavalet e o Musée d’Art Moderne de la Ville de Paris.

Viu só como é fácil descobrir o que fazer em Paris? Qual desses passeios mais deixou você interessado? Conte para a gente nos comentários. 🙌

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta